NOTÍCIAS

MEDIA CENTRE DA FIBROGLOBAL

Protocolo entre a Fibroglobal e o Instituto de Telecomunicações para investigar deteção de sismos com cabos submarinos
16-10-2020

A Fibroglobal e o Instituto de Telecomunicações assinaram em setembro de 2020 um protocolo, tendo em vista potenciar o desenvolvimento de projetos de investigação científica, no âmbito da utilização de cabos submarinos de telecomunicações para o estudo da deteção e alerta precoce de sismos e tsunamis.

A Fibroglobal, na sequência de Concursos Públicos e de contratos celebrados com o Estado Português, instalou, gere e explora redes de comunicações eletrónicas de alta velocidade na Zona Centro e na Região Autónoma dos Açores. Nesta última, a rede inclui um cabo submarino de fibra ótica entre as ilhas do Faial, Flores, Corvo e Graciosa. As redes instaladas têm permitido o acesso à internet de alta velocidade e a outros serviços avançados, como telemedicina, ensino à distância e administração pública em linha, dando um importante contributo para eliminar um obstáculo ao crescimento, à inovação e à coesão social e territorial e para reduzir a chamada “clivagem digital” que separa estas zonas do resto do país. Para mais informações consultar www.fibroglobal.com.

O Instituto de Telecomunicações (IT) é uma instituição privada sem fins lucrativos, fundada em 1992, associação de Universidades e Empresas Portuguesas com experiência de investigação e desenvolvimento em Telecomunicações e Tecnologias de Informação. É Laboratório Associado do Estado desde 2001. Com uma equipa de mais de 300 investigadores doutorados, tem como missão criar e difundir conhecimento nesta área a nível global, apoiar estudantes de Mestrado e de Doutoramento, transferir tecnologia para o tecido industrial, e apoiar a resposta de políticas públicas a desafios nacionais e globais. O IT tem competências em comunicações rádio, comunicações óticas, multimédia, redes de comunicação e ciências básicas de suporte. Para mais informações consultar www.it.pt.

O Instituto de Telecomunicações (IT) tem vindo a promover desde 2018 uma iniciativa de investigação científica para a utilização de cabos submarinos de telecomunicações para o estudo da deteção de eventos sísmicos e avaliação da melhoria da fiabilidade dos sistemas de alerta precoce de sismos e de tsunamis, em  parceria com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera e o Instituto Dom Luiz, no âmbito do iniciativa LEA – Listening to the Earth under the Atlantic, que junta as três organizações.

A Fibroglobal vai neste âmbito disponibilizar o acesso a fibra ótica no referido cabo submarino de que é proprietária, permitindo a instalação pelo IT dos seus equipamentos de medida, assim como informação recolhida no âmbito da operação do referido cabo.

O acesso à infraestrutura de telecomunicações submarinas da Fibroglobal, numa região de grande relevância do ponto de vista sismológico, vai permitir- desenvolver experiências pioneiras a nível mundial, e compreender melhor o potencial dos cabos submarinos para a monitorização de eventos sísmicos, assim como as aplicações destas novas metodologias à proteção civil. Trata-se de investigação científica muito inovadora, que ajudará a compreender melhor o funcionamento do nosso planeta, e ao mesmo tempo abre a perspetiva de métodos de alerta mais fiáveis para a proteção das populações e a resiliência costeira. E tem o potencial de tornar Portugal um dos líderes mundiais neste domínio.

Sobre o LEA – Listening to the Earth under the Atlantic

Vídeo e apresentação disponíveis em: https://www.aircentre.org/netfridays-yasser-omar/

 

 

Para mais informações, contactar:

Yasser Omar (Instituto Superior Técnico e Instituto de Telecomunicações):

yasser.omar@tecnico.ulisboa.pt

93-355 26 56

 

Carlos Oliveira (Fibroglobal)

carlosoliveira@fibroglobal.com

+351966025802






VER TODAS AS NOTICIAS



2012 © FIBROGLOBAL. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.